Yoga na quarentena – reencontrando o equilíbrio e serenidade.

Eu sempre acabo voltando para a prática de yoga. Já pratiquei várias modalidades desta atividade, bem como outras atividades físicas (ballet, dança do ventre, ballet contemporâneo, pilates, hiit, musculação, corrida…). É sempre bom variar, não apenas para não cair na mesmice, bem como dar estímulos diferentes ao nosso corpo.

Yoga na quarentena

Lá no início da quarentena eu cheguei a praticar yoga em casa alguns dias, porém sem a disciplina necessária. Acabei deixando pra lá, desregulando minha vida completamente ( inclusive na alimentação). Algo que a maioria de nós tem vivenciado nos últimos tempos, não é mesmo?

Nas últimas semanas eu senti uma necessidade maior de me conectar comigo mesma. O emocional extremamente abalado por tudo o que anda acontecendo, eu estava sem saber o que fazer da minha vida. E precisei voltar pra mim mesma. Não de uma maneira egoísta. Às vezes, é necessário se retirar um pouco do mundo e ter esse momento de autocuidado. Para estarmos melhores com nós mesmos e, consequentemente, nos relacionarmos melhor com o mundo.

Para retomar a minha prática de yoga, recorri ao YouTube e achei um canal muito bacana com aulas de vários tipos e níveis. O canal da Pri Leite me surpreendeu muito positivamente. Os vídeos são de aulas para fazer em casa mesmo, você com você mesmo, ou com alguém querido. Sem se exigir demais e respeitando os limites do próprio corpo. Seja uma aula rapidinha de 10 minutos antes de dormir, ou usando uma cadeira da sua sala, ou mesmo uma mais longa no seu tapetinho de yoga (caso você já tenha um). Mais leves ou mais intensas, as aulas me passam sempre uma paz muito grande e uma alegria ao finalizar cada uma delas.

Quando me entrego à minha prática, é um momento meditativo, de conexão com o espiritual, ainda que em movimento, ou durante as posturas. Tá fazendo um bem enorme para minha mente. E conforme vou me centrando novamente, encontrando meu equilíbrio, passo a ver tudo ao meu redor com mais clareza e serenidade.

Então super recomendo. Um momentinho que seja. 10 minutos se for tudo o que você dispõe no seu dia. Você vai ver como sua energia muda.

Se cuide, você merece.

Depois me conte sua experiência aqui nos comentários 😉

Beijos e até a próxima.
Namastê.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *