Velvet Colección e As Telefonistas – duas séries espanholas para assistir com a sua mãe

Lembra que eu falei aqui sobre três séries espanholas? Pois bem, desta vez eu trago mais duas excelentes séries que talvez sua mãe goste de assistir com você neste domingo. E outros dias também. Afinal, assistir séries juntos é uma ótima maneira de estreitar laços, e tenho certeza que minha mãe teria gostado de assistir essas séries comigo. Elas são: Velvet Colección e As Telefonistas.

Velvet Colección
Velvet Colección

A Netflix acabou de lançar a segunda temporada desta leve e divertida série que se passa na década de 60 na Espanha. Velvet é o nome de uma importante marca de alta costura espanhola, de renome mundial.

Ela trata não apenas da moda da época – na verdade só nos dá uma pincelada nessa aspecto – mas fala muito dos costumes da década de 60, de como as mulheres ainda precisavam de permissão de seus maridos para fazer qualquer coisa que quisessem, de como era complicado assumir a homossexualidade, do mundo tenso dos negócios, de como uma mulher a frente de uma empresa tinha que lutar por sua credibilidade.

Tudo isso de uma maneira muito suave e divertida. Velvet Colección é muito gostosa de acompanhar.

Com participação de nomes como Mónica Cruz (a irmã de Penelope Cruz), a série conta com excelente atores espanhóis, muitos deles participantes das séries que já citei anteriormente.

Velvet Colección é uma série derivada da Velvet, que infelizmente não está no catálogo da Netflix Brasil, mas sigo na esperança que isso mude um dia. Gostaria muito de ver a história de origens desses personagens queridos.

As Telefonistas

As Telefonistas começa no final da década de 20, mais precisamente em 1928. Conta com 3 temporadas e eu estou aguardando ansiosamente pela 4ª.

Esta série tem uma pegada mais dramática e trata de temas bastante pesados como violência doméstica e a completa falta de liberdade feminina. Aborda também o tema da homossexualidade e transsexualidade. A dificuldade de descobrir e ser quem se é.

Nessa época as mulheres começavam a entrar no mercado de trabalho e seus cargos eram no máximo como telefonistas, secretárias ou cargos de auxílio aos homens. Mas ainda assim as que trabalhavam fora eram mal vistas.

São 4 amigas que protagonizam as mais variadas situações. Os julgamentos, a violência, as humilhações. Mas são mulheres muito fortes, encantadoras e que nos inspiram demais. Da mais tímida à mais despojada, todas são admiráveis.

Com o figurino impecável da década de 20, essas mulheres se unem e se apoiam numa amizade que se desenvolve ficando cada vez mais forte. Tudo isso ao som de músicas contemporâneas. A série é maravilhosa, acreditem em mim. Também deliciosa de ver, só que de um jeito que acabamos nos envolvendo e torcendo por esse grupo de amigas.

Quer mais dicas de séries? Clique aqui. 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *