O efeito que causamos na vida das pessoas

Já parou pra pensar no efeito que suas ações tem na vida das pessoas? Ou você acha que ninguém está prestando atenção em você?

efeito positivo sempre

Sim, a gente tende a achar que o que fazemos ou deixamos de fazer é problema apenas nosso e de mais ninguém. É e não é.  A gente pode e deve ser donos dos nossos próprios narizes, roteiristas, diretores e protagonistas de nossas próprias vidas. Mas é bom sempre ter em mente que nos tornamos eternamente responsáveis por aquilo que cativamos, como disse a raposinha de Antoine de Saint-Exupéry em O Pequeno Príncipe. Clichê, porém verdade.

Outro conceito já bastante repetido, e que também verdade, é aquele em que se diz que nossos atos falam de nós mais que nossas palavras. Quando pregamos uma coisa e fazemos outra completamente diferente, estamos sendo hipócritas. Mas esse não é o ponto que eu quero abordar. O que eu quero é nos levar a refletir sobre como nossas ações estão afetando a vida daqueles que nos cercam. Nossas atitudes, a energia que emanamos. E, algumas vezes, até mesmo as palavras que falamos. Mais do que isso, a intenção por trás da palavra.

Quando criança eu sofri bullying. Já contei isso aqui, eu sei. Foi péssimo pra mim, fez com que eu tivesse dificuldades de confiar nas pessoas. Fez com que eu não confiasse em mim mesma, não acreditasse que eu fosse boa o suficiente para nada. Sim, foi péssimo. Mas ao mesmo tempo me fez enxergar coisas que muitas pessoas não veem. Lentamente, com os anos que foram passando, a maturidade me ajudou a aplacar uma certa revolta que eu tinha. Inclusive aqui cabe a frase de Chico Xavier “Fico triste quando alguém me ofende, mas, com certeza, eu ficaria mais triste se fosse eu o ofensor… Magoar alguém é terrível!”

Mas ainda assim, não me achava não o bastante.

Comecei esse blog numa de escrever sobre coisas que eu gosto. Numa de levar leveza e alegria às pessoas que andam tão negativas e preocupadas com a situação atual da vida. Não queria abordar temas pesados, e continuo não querendo. Mas, um belo dia eu comecei a colocar algumas reflexões minhas aqui e ali. Umas experiências pessoais. Algumas mensagens motivadoras que eu mesma gostaria de receber. E por aí foi.

Eu foquei em colocar pra fora o que se passava na minha mente e que eu achava que de alguma maneira pudesse ajudar uma pessoa que fosse. E foi aí, exatamente aí, que eu encontrei satisfação. Quando alguém veio e me disse que o texto que eu escrevi era tudo o que ela precisava ler naquele dia. Cara, isso iluminou o meu dia. Sério mesmo, nunca me senti tão feliz fazendo algo. Depois outros comentaram, outros textos vieram, alguns compartilhamentos e comentários virem. Poucos tá? Coisa de dois ou três, mas pra mim já é tanto!

Aconteceu que essa semana, uma pessoa amiga de longa data, mas por motivos de correria da vida eu não conversava fazia um tempão, veio trocar ideia comigo, contar novidades. Tudo porque eu postei uma besteirinha, uma imagem feliz, desejando coisas boas a quem lesse. As novidades dela não eram as melhores, afinal a vida não é feita só de coisas boas, mas a conversa foi agradável e cheia de energias positivas. Por fim, ela se despediu dizendo que era sempre bom conversar comigo, que eu fazia “bem para a vida”. E eu me surpreendi.

Me surpreendi e fiquei pensando no efeito que causamos às pessoas ao nosso redor mesmo sem nos darmos conta. Na minha cabeça, eu tentar ser positiva e alegrar as pessoas sempre que posso é simplesmente fazer a minha parte nesse mundo cheio de amargura. Pois já fui muito amarga também e sei o quanto é triste viver assim. Ninguém deveria viver numa onda de negatividade. Deixa a gente mal, faz a gente adoecer. Sério mesmo. Mas daí eu pensei “E não é que o que eu faço é observado?”

Raramente teremos um feedback seja positivo ou negativo. ( Tá ok, hoje em dia está mais fácil receber feedbacks negativos, não importa o que a gente faça né? Vide comentários de qualquer assunto na internet, é crítica destrutiva atrás de crítica. É treta atrás de treta. ) Porém, quando alguém te dá um feedback, dá pra perceber que, afinal de contas, se essa pessoa está prestando atenção, então outras provavelmente também estão. Mesmo que não nos digam nada. Pode ser que alguém esteja se inspirando em você nesse exato momento, já parou pra pensar?

Assim como filhos se espelham em suas mães, amigos se espelham uns nos outros, namorados pegam características um do outro e por aí vai. Então para e pensa: qual o impacto que você está causando ao seu redor?

Nananinanão, nem vem com essa de que ninguém está prestando atenção em você. Sempre tem alguém que está. Ainda mais com facebook, intagram, twitter e etc. O que você está inspirando nos outros? Qual mensagem você está passando adiante? Coisas boas, positivas, alegres? Luz? Ou será que está disseminando uma onda negativa de pensamentos e energias que podem até estragar o dia de algum desavisado?

A gente faz as coisas muito sem pensar né? Vamos vivendo, indo no fluxo, sobrevivendo, vendo no que dá. E tudo bem, a vida é corrida mesmo. Mas, se a gente começasse a ter mais consciência do que queremos passar, talvez, apenas talvez, deixemos mais sorrisos pelo caminho. Bom, eu apenas peço a Deus que me ajude a continuar no caminho certo. Eu sei que estou longe de ser perfeita – sim, eu faço muita merda- mas se de vez em quando eu puder colocar um sorriso no rosto de alguém, já vai ter valido a pena.

E então? Partiu disseminar coisas belas? Coloca essa energia positiva pra jogo!

Beijos e até a próxima. <3

Gostou? Compartilhe!

Posts Relacionados

2 thoughts on “O efeito que causamos na vida das pessoas

  1. Lilian Raquel says:

    “Só amor que damos, só o amor herdamos”
    Eu li essa frase e ficou em mim, se plantarmos o bem, vamos colher o bem…então nada melhor do que semear o bem e oferecer amor, e mesmo que no meio do caminho venha algumas patatas, mal humor e indiretas, só cabe a nós ignorarmos. Só devemos pegar para nós o que queremos levar a diante, negatividade podemos deixar para trás e seguirmos leves. Amei o seu texto maninha, como sempre perfeito. Continue evoluindo, continue sendo a melhor versão de você mesma, faz bem pra você principalmente e para o mundo ao seu redor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *